Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

Na sessão ordinária do dia 19 de setembro, bem no meio da disputa eleitoral, o vereador Antônio Alexandre (PMBD) usava a Tribuna para denunciar o que chamou de ‘farra com recursos públicos’, referindo-se justamente à distribuição de material de construção na área rural de Paulo Afonso, segundo afirmava, por vereadores da base do prefeito Anilton Bastos (PDT), numa clara ‘conduta vedada’, como diz a promotora Luciana Khoury.

 

dsc_8600
Vereador governista acusou conduta vedada de seus pares em beneficio de outros vereadores.

″Querem ganhar a eleição com isso é vergonhoso! […] querem ganhar a eleição na base do recurso público, que vergonha para Paulo Afonso″, disse Alexandre.

 

dscf7906
Luciana Khoury: ‘vamos lutar por uma eleição limpa’, disse à época.

 

Eis que Zezinho (PTN), que é da base governista, mas ficava fora da festa, e via seus ricos votinhos esvaindo-se para ‘mãos estranhas àquelas terras’, pediu um aparte e simplesmente reforçou as acusações do oposicionista.

 

dscf7904
Reunião da Justiça Eleitoral prevenindo a chamada ‘Conduta Vedada’, promotor dr. Leonardo, e os juízes: Reginaldo e Ariano Lemos.

″É bem verdade isto que o senhor afirma, estão comprando votos, eles deviam era ter vergonha na cara, porque se deve praticar política com honestidade e trabalho e não comprando votos, posso discordar de outras coisas, mas no que se refere a compra de votos de vereadores eu concordo″, sublinhou Zezinho.

 

Na mesma sessão outros colegas da base que sentiam o mesmo que ele não tiveram coragem de se queixar abertamente, faziam à boca miúda. Aliás, até hoje comem miudinho, pois o receio maior é de perder, como se diz no popular ‘a boquinha’.

 

Note-se que mesmo a oposição diante dos vícios que saltavam aos olhos fazia-se de ‘João mudo’, eram Alexandre e Luiz Aureliano (PMDB), os únicos que apontavam os descalabros que viam no período, hoje corroborado em gênero, número e grau pelo Ministério Público do Estado, que move processo pedindo a cassação de mandato do prefeito eleito Luiz de Deus (PDT).

 

Repercussão

 

Ainda que queriam desmerecer o trabalho primoroso dos promotores, dizendo tratar de denúncias ‘requentadas’, é preciso chamar atenção para o caráter inédito do fato. Não meus senhores, não há registro em Paulo Afonso de semelhante acinte contra as leis eleitorais, e, consequentemente, de uma ação tão contundente deste órgão judicial.

 

″Houve conduta vedada do atual gestor municipal (Anilton Bastos) com benefício direto aos candidatos eleitos atualmente″, resume Luciana Khoury, lembrando sempre a parceria do colega Leonardo Bittencourt.

 

 

 

Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

6 respostas

  1. Isso é choro de perdedor, porque não fizeram a mesma coisa ? Temos que usar as mesmas armas que o inimigo, ou mais potentes se não seremos vendidos

    1. Macurure… Vc é … do mesmo jeito que eles., Aqui do lado do Dr. Paulo não tem disso não, Feche… que é o melhor a fazer, que esta aqui exitando as pessoas a … dos outros a dignidade do direito a escolha do VOTO livre.

    2. Tá pedindo para todos serem corruptos? Cada comentário sem noção eu vejo aqui viu. O brasileiro, o nordestino e mais precisamente, o paulafonsino tem que ter um choque de valores éticos morais e de bom senso. O que é público tem que ser sagrado e possíveis corrupções tem que ser passíveis de punições das mais severas, pois a corrupção mata muita gente em hospitais públicos e deixam muitos desempregados. Não vejo em lugar nenhum do mundo tamanha inversão de valores.

  2. Segundo fala o vice prefeito eleito, a ação proposta para não diplomação da CHAPA Luiz de Deus é para dar uma satisfação a população pois ações desta natureza não prospera.

  3. Bom dia Ozildo!
    Antonio alessandre não pode nem falar,pois já fui eleitora dele e ele…
    Ele é muito cara d pau esta falando do prato que come.
    Então por isso que esse ano não voltei nele pq ele é muito cebosso esse António alessandre

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.