Por

REDAÇÃO, COM INFORMAÇÕES DO 20º BPM

Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print









 

 

Um homem foi preso em flagrante suspeito de tentativa de feminicídio neste domingo, 7 de março, no entroncamento de Glória-BA. Conforme a Polícia Militar, ele tentou matar a mulher duas vezes em apenas 24 horas, e ainda levou a filha de apenas 7 meses na fuga. A vítima foi atingida por 1 disparo de arma de fogo que transfixou o seu ombro.

 

De acordo com a PM,  “hoje volta das 10:40, policiais militares obtiveram a informação de que o individuo que havia tentado contra a vida de sua companheira com disparos de arma de fogo no dia anterior e levado a filha do casal de 7 meses na fuga.”

 

No histórico policial, diz que “ele estava rondando a casa da vítima novamente, com outro indivíduo, a fim de tentar de novo contra a vida de sua companheira. Diante dessa informação, a guarnição passou a fazer rondas no endereço da vítima e nas imediações.”

 

Durante as diligências, “por volta das 11:25, na saída da cidade de Glória, foi abordado um Fiat Grand Siena, cor prata, em que os ocupantes se tratavam do autor dos disparos e de seu irmão, ainda com o bebê a bordo. Após abordagem e busca pessoal, foram encontrados R$ 1383,00 em espécie com o autor e várias malas de roupas, deixando a entender que o mesmo iria empreender fuga”, informou a PM.




 

Foi dada voz de prisão ao autor. Já o bebê foi levado em segurança para a casa da mãe da vitima e seus familiares por uma guarnição.

 

Arma do crime apreendida

 

“Após ser indagado onde estava a arma usada para efetuar disparos em sua companheira, o mesmo respondeu que tinha uma arma de fabricação caseira que se encontrava em uma chácara em Glória. A equipe da PM foi até o local e o autor mostrou onde estava escondida uma arma carregada.”

 

Diante dos fatos, o autor e seu irmão foram conduzidos e apresentados na Delegacia de Polícia Civil junto com o veículo por eles conduzido a fim de que fossem tomadas as medidas cabíveis.



Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Uma resposta

  1. Se os dois não ficarem presos no presidio, com certeza irão matar a mulher, ela que se cuide, saia da região com o filho sem falar o destino. pois a justiça é falha e eles não irão passar muito tempo presos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.