Marconi Daniel cobra da prefeitura Plano Municipal de Vacinação contra a Covid-19

Por Assessoria de Comunicação | 13 de janeiro de 2021 às 14:15




 

 

Com o aumento dos casos da Covid-19, várias cidades brasileiras já apresentaram o seu Plano Municipal de Vacinação contra o vírus. Em Paulo Afonso a o clima entre a população é de preocupação. No último domingo, 10, a cidade registrou a ocupação de 100% dos leitos da Upa Covid e 70% do leitos da UTI do Hospital Municipal de Paulo Afonso (HMPA). Segundo o último Boletim epidemiológico da Secretaria Municipal de Saúde divulgado nesta terça-feira, 12, já são 1.872 casos confirmados e 56 óbitos. A Prefeitura decretou situação de emergência por 90 dias na cidade, porém ainda não se posicionou sobre a criação do plano de vacinação.

 

O vereador Marconi Daniel (PODEMOS) cobrou que a Prefeitura de Paulo Afonso trate a criação do plano como uma prioridade. “Mais uma vez a atual gestão não prioriza a saúde do seu povo. O Plano Municipal de Vacinação é algo que precisa ser tratado em caráter de urgência. Vemos aí todos os dias o vírus fazendo novas vítimas. É preciso que se tenha documentado no plano o número de vacinas que teremos, os grupos e fases além dos locais de vacinação. O povo de Paulo Afonso não pode ser penalizado com o desleixo da Prefeitura. Estamos falando de vidas em perigo, e vidas importam sim”, destacou o vereador Marconi.

 

Trabalhadores da saúde, idosos com mais de 75 anos ou a partir de 60 que vivam em asilos e a população indígena devem ser os primeiros da fila para tomar a vacina contra a Covid-19 no Brasil segundo o Ministério da Saúde. “O plano é de extrema importância para que sejam traçadas diretrizes com a finalidade do êxito da vacinação. Esse é um trabalho que envolve uma série de esforços, desde o Sistema Único de Saúde (SUS), gestão pública, mobilização e adesão da população a vacina”, disse.

 

Plano

 

O Plano Municipal de Vacinação contra a Covid-19 aborda a implantação de dez itens como a Situação epidemiológica e definição da população-alvo para vacinação; Vacinas COVID-19; Farmacovigilância; Sistemas de Informações; Operacionalização para vacinação; Monitoramento, Supervisão e Avaliação; Orçamento para operacionalização da vacinação; Estudos pós-marketing; Comunicação; e Encerramento da campanha de vacinação.

 

O parlamentar reforçou a importância da continuidade dos cuidados como estabelece a Organização Mundial de Saúde (OMS). “Higienização das mãos, uso do álcool em gel, máscara, manter o isolamento social são ações que devem continuar sendo adotadas a todo instante para que o vírus não nos afete diretamente”, finaliza Marconi.

 







 




 



5 comentários em “Marconi Daniel cobra da prefeitura Plano Municipal de Vacinação contra a Covid-19”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

  • Telefone: 75 3281.9421
  • E-Mail: comercial@pa4.com.br
© 2015-2016. Todos os direitos reservados.