16 de junho de 2021

Paulo Afonso passa Itabuna e já é o 4º município da BA com mais casos ativos de Covid-19

Por

Redação (pa4.com.br)

Foto: PMPA



 

Os casos ativos do novo coronavírus continuam crescendo em Paulo Afonso, e nesta sexta-feira (21), o município chegou a 591 contaminados. O aumento do número de casos ativos da Covid-19 foi puxado pelas 177 novas contaminações pelo novo coronavírus nas últimas 48 horas. No mesmo período, o Boletim Epidemiológico confirmou ainda 3 mortes em decorrência da doença, sendo duas na quinta (20) e uma nesta sexta.

Com os dados de hoje, Paulo Afonso acumula desde o início da pandemia, 5.760 casos confirmados de covid-19, desses, 5.029 se recuperaram e 140 morreram por causa da doença.

Já nos números divulgados hoje pela Sesab (Secretaria Estadual de Saúde) Paulo Afonso está com 452 ativos, ou seja, 139 a menos do que os dados oficiais do município, ainda assim, Paulo Afonso subiu uma posição ao superar Itabuna, cidade com 213 mil habitante, quase 100 mil a mais que Paulo Afonso.

Os 10 municípios baianos com mais casos ativos da doença, segundo a Sesab, são:

1º Salvador (3.458)

2º Feira de Santana (690)

3º Barreiras (487)

4º Paulo Afonso (452)

5º Itabuna (406)

6º Ribeira do Pombal (366)

7º Guanambi (306)

8º Lauro de Freitas (301)

9º Santo Antônio de Jesus (280)

10º Vitória da Conquista (242)

O número de pacientes de Paulo Afonso internados nas unidades de saúde do município com casos da Covid-19 é de 40. A ocupação nos leitos é de 100% na UTI do HMPA, 100% na UTI UPA Covid, 100% nos leitos semi-intensivos do HNAS Covid, 90% nos semi-intensivos do Hospital de Urgência Covid (UPA), 100% na triagem e 25% nos semi-intensivos no HMPA.

 

 







VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Comentários 2

  1. Cecília Silva says:

    Vacinação URGENTE para 50 a 60 anos sem comorbidades, os mesmos estão correndo mais riscos contágios. Até quando esperar ???????

  2. paulo says:

    A conta da incompetência chegou e quem vai pagar é o povo. Uma cidade rica, um prefeito que ganha 33 mil reais, secretários e vereadores com bons salários todos pagos em dia. Cadê os 80 milhões, o dinheiro que o Bolsonaro mandou para governadores e prefeitos. Agora fizeram um CPI para investigar o presidente tem que investigar todos desgraçados. O Brasil num tem jeito não o presidente da CPI e o relator Renan respondem processo por corrupção é uma vergonha quanta palhaçada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.