20 de setembro de 2021

“Onde está o dinheiro da Saúde?”, questionou Marconi ao denunciar falta de recursos hospitalares no Nair

Por

ASSESSORIA PARLAMENTAR




 

O descaso em que se encontra a Saúde Pública de Paulo Afonso foi, mais uma vez, o assunto abordado nesta segunda-feira, 10, pelo vereador Marconi Daniel (PODEMOS), durante Sessão Remota da Câmara de Vereadores do município. “A prefeitura quer estar tratando a vida humana como produto de prateleira”, disse o parlamentar ao comentar a saída do Hospital Nair Alves de Souza (HNAS) da Prefeitura para uma Organização Social.

Marconi se posicionou contra a implantação de uma Organização Social no NAIR. “Eu, particularmente, sou contra a inserção de uma Organização Social (OS) no hospital. Na matemática que município vem fazendo, a conta não vai fechar nunca. O sucateamento do Nair é um problema antigo que só vem se estendendo e cada vez mais. Com a implantação do OS eu pergunto, onde fica a qualidade do atendimento? Onde fica a vida humana?”, questionou.

Marconi disse ainda que a OS no Nair não é o melhor meio a ser adotado. “Já foi aprovado pela Universidade do Vale do São Francisco (Univasf), através do coordenador de medicina, que não, o modelo de Organização Social não é o nelhor caminho para o Nair. Talvez seja um caminho para reduzir custos da prefeitura” afirmou.

O vereador mostrou-se inquieto com o rumo que a Prefeitura vem tratando as problemáticas do HNAS. “Ando muito preocupado, numa cidade como Paulo Afonso, o índice de morte por Covid-19 é muito alto. O bom atendimento hospitalar é de resposabilidade do secretário de Saúde e da preifeitura, que não devem deixar faltar exames, remédios e atendimento humanizado, que é o que vem ocorrendo. Os carros para levar pessoas da área rural até o hospital estão quebrados. Ambulância não tem. Recebi diversas mensagens na semana passada de empresários que relataram que as notas já foram faturadas, os serviços foram prestados, mas eles não estão recebendo pelo serviço. Falta até teste rápido no hospital, o radialista Anderson de Souza precisou de teste e não teve. Isso é grave”.

“Onde está o dinheiro destinado a Saúde?. É muito recurso enviado e a prefeitura diz que está com esgotamento de dinheiro. Dinheiro tem, sr. prefeito. Agora, o que está acontecendo com o dinheiro público, é algo que a gente deve estar revendo, para que possamos tomar as devidas atitudes”, questionou Marconi.

O vereador finalizou dizendo que: “A gestão pública de Paulo Afonso está fadada ao fracasso. Encontra-se num estado absurdo, vergonhoso”, finaliza.




 

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!