Por

[email protected] (www.pa4.com.br)

Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print
(Foto reprodução: Ilustrativa)
(Foto reprodução: Ilustrativa)

Na manhã desta sexta-feira (11), o Conselho Tutelar de Paulo Afonso foi informado através de uma denúncia sobre uma senhora que estaria aliciando de todas aas formas seis crianças entre 4 e 14 anos na Avenida Landulfo Alves – Centro – próximo ao Mercado Novo da Feira Livre.

 

Orlanda Cristina dos Santos, de 29 anos, mãe de três das seis crianças foi presa em flagrante e outras quatro pessoas foram notificadas e serão denunciadas no Ministério Público.

 

Orlanda, que reside na invasão do Bairro Santa Inês, vai responder por diversos crimes: aliciamento de menores para prática de mendicância; maus tratos com lesões graves; constrangimento de menores e corrupção de menores, com flagrante para todos esses crimes.

 

Nos relatos envolvendo o caso consta que um dos filhos de Orlanda, de apenas 4 anos, estava com ferimentos e secreções em várias partes do corpo e com uma das orelhas bastante ferida. O garoto conduzido pelas Conselheiras para o hospital e a médica plantonista constatou que os ferimentos que havia na criança eram consequências de maus tratos.

 

Outro caso que chamou atenção é o da filha mais velha de Orlanda, uma menor de 14 anos, que reside no mesmo barraco com a mãe e um homem identificado pelo prenome de Damião, atual companheiro da acusada. A garota confirmou que mantém relações sexuais com o primo do padrasto,  vulgo “Negão” , desde os 10 anos de idade.

 

Segundo a polícia, “Negão” de 20 anos, reside na “Invasão no Bairro Santa Inês”, porém, o mesmo não foi localizado, mas vai ser indiciado por estrupo vulnerável, pois manteve relações com a menor desde que ela tinha 10 anos de idade.

 

Todas as vítimas (crianças) foram acolhidas na casa de passagem Menina Flor.

Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.