25 de setembro de 2021

Luiz de Deus escancara grave crise no Hospital Nair, e admite: “A prefeitura não suporta mais!”

Por

REDAÇÃO - PA4.COM.BR

Prefeito Luiz de Deus (PSD). Foto: Ascom



 

Em entrevista ao blog do Epidauro Pamplona, o prefeito de Paulo Afonso Luiz de Deus (PSD), admitiu, pela primeira vez, a precária situação do Hospital Nair Alves de Souza após a Chesf transferir a gestão para a prefeitura.

 

O chefe do executivo disse que havia advertido que o hospital quebraria o município, “os fornecedores já estão recebendo com atrasos”, afirmou. Ano passado, o último administrado pela CHESF, a despesa do HNAS era de aproximadamente R$ 50 milhões por ano.

 

Em menos de quatro meses à frente da unidade, Luiz de Deus revelou: “a Prefeitura não suporta mais.” Mas, falou que está buscando uma solução.

 

Na próxima quinta-feira, dia 29 de abril, haverá audiência pública na Câmara de Vereadores para debater o tema e criar alternativas para destino do sexagenário hospital.

 

Veja abaixo as preocupantes declarações do prefeito Luiz de Deus sobre o HNAS




 

“Nós estamos buscando a melhor solução para este problema. Esta despesa tripartite do Município, Estado e União, não está dando certo. Coisa que muitos mexem termina dando na cabeça de um e está caindo na de Paulo Afonso.”

 

“Eu não sei quem aceitou isto porque no aspecto financeiro está sendo um desastre e no medicinal o atendimento deixa a desejar, e deste eu entendo um pouco.”

 

“Desde que a Prefeitura assumiu a administração deste hospital eu disse que iria “quebrar” o município. Os fornecedores que sempre recebiam em dia passaram a receber com atrasos. “

 

“É impossível pagar a um médico R$ 4.200,00, (quatro mil e duzentos reais,) por um dia de plantão hospitalar. Antes, quando o hospital Nair Alves de Souza era referência em toda Bahia juntamente com a Maternidade de Ilhéus, tinha duzentos funcionários e mais de duzentos leitos. Hoje, com o alarmante índice da demanda e a nefasta pandemia, tem quatrocentos e quarenta e cinco funcionários e apenas cem leitos.”

 

“Tem que mudar esta responsabilidade administrativa. A Prefeitura não suporta mais. Aonde vamos chegar? No caos?”

 

Hospital Nair Alves de Souza. Foto: Google






WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Comentários 3

  1. Anônimo says:

    Eita ta com medinho, desesperado? Isso é gestão de Paulo de Deus, Aleluia, Luiz de Deus e Anilton, falta também caires que deveria ter feito e não fez. Isso é incompetência mais burrice do povo. Tinha tudo para ser uma cidade grande muito grande, mas preguiça e má gestões e puxasaquismo só fizeram a cidade parar no tempo.

  2. Anônimo says:

    Eu não entendo a choradeira de Luiz de Deus , se ele conhece o problema do hospital , porque não resolve ? se tem funcionário demais , reduz a quantidade , se está pagando grande salario para um médico para tirar um plantão , procura médico que queira ganhar menos , já que $ 4200, 00 é demais para trabalhar 24 horas de trabalho , isso se for 24 horas , é só ver, quanto ganha um médico pago pelo Governo federal . Se o prefeito sabe qual o problema , só cabe resolver , para isso ele foi eleito , porque existem cidades menores que Paula Afonso e não tem uma renda igual a Paulo Afonso e tem hospital , e o mantem , para atender sua população

  3. Anônimo says:

    DIFICIL CRITICAR , POREM UMA CIDADE COMO PAULO AFONSO NAO TEM COMO MANTER , DOIS HOSPITAIS , UMA SAMU , UMA UPA E UMA UTI.
    SEM AJUDA DO GOVERNO FEDERAL E ESTADUAL. SEM CONDIÇOES.
    ENFIM , VEJO AI MUITO EM BREVE O NAIR FECHAR AS PORTAS.
    INFELIZMENTE.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!