Por

[email protected] (www.pa4.com.br) com MP-AL

Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

22233

 

A Fiscalização Preventiva Integrada do Rio São Francisco da Tríplice Divisa (FPI), através da equipe de saneamento básico, flagrou um esgoto a céu aberto sendo despejado diretamente no Rio São Francisco, na orla do município de Piranhas, Sertão de Alagoas. O Ministério Público Federal notificará a prefeitura da cidade para solucionar rapidamente a situação.

 

O esgoto está localizado no pequeno porto de onde partem os catamarãs que levam turistas para conhecer o Velho Chico. Segundo os técnicos da Fiscalização, o despejo vem da parte histórica da cidade, conhecida como “Piranhas Velha” e é formada por centenas de casas e muitas pousadas.

 

“São dejetos que vem do centro histórico de Piranha, onde estão situadas casas e muitos empreendimentos turísticos. Isso significa que é uma esgoto com uma quantidade grande de dejetos não tratados e que está indo direto para o São Francisco. É um descaso com o rio, que é usado em beneficio próprio pela Prefeitura, uma vez que o município que vive da exploração desse curso d’água. É um descaso total com o meio-ambiente”, declarou a coordenação da equipe.

 

O Ministério Público Federal irá notificar a prefeitura para que uma solução rápida seja encontrada. “Desta maneira não vai continuar. É um flagrante desrespeito ao rio e ao cidadão. Todo meio ambiente vem sendo agredido a olhos vistos”, disse o promotor Manuel Antônio da Silva.

 

Ele adiantou que a prefeitura será notificada para comparecer ao Ministério Público Federal e explicar os motivos de deixar um esgoto in natura se r jogado no rio. “Primeiro vamos ter essa conversa. Entretanto, a prefeitura terá que apresentar a resolução dessa grave questão. Caso isso não aconteça, iremos tomar as medidas legais para essa solução ser a mais breve possível”, informou.

Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

4 respostas

  1. Gostaria que a FPI visitasse a estação de tratamento de esgotos que foi construída na Vila Nobre. Aquilo funciona mesmo? se funciona porque a rede de esgoto da vila que foi construída há mais de trinta anos vai deretamente para o Rio São Francisco e não vai para essa ETE?

  2. FPI, a parte antiga da cidade de Paulo Afonso onde existe o CANAL EMISSÁRIO que vai do Colégio CEMPA e outro que vai da Rua Alto Novo e se encontram na Praça dos 7 dias e depois passa por traz da rádio Bahia Nordeste, todos os dejetos desta ruas são jogados no canal. Pode ser afirmado que nenhum tratamento é feito até que seja Java do no Velho CHICO.

  3. Olha deem um passeio na Orla de petrolina, e vejam a verdadeira Amazônia de Baronesas, sem falar que no bairro do Angarí em JUAZEIRO escorre esgoto direto lá. Pf eu não aguento mais andar pela minha JUAZEIRO é tanto canal de esgoto a céu aberto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.