Por

Por Luiz Brito

Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

Inaugurado  em agosto de 1976 no tempo das vacas gordas da CHESF, o ex-estádio engenheiro Ruberleno de Oliveira agora aos 40 anos vive a pão e água, e sequer jogos de pouca importância tem protagonizado, exceto peladas organizadas por times de bairros inexpressivos da cidade. Com o estádio caindo aos pedaços, sem partidas capazes de atrair público, a manutenção da estrutura do atual Álvaro Carvalho, vai depender muito da complacência da prefeitura de Paulo Afonso, porque a CHESF fechou as torneiras.

 

2d99bfee2c1ad3a2b927c442ae92A reportagem do site www.bobcharles.com.br teve acesso ao interior do estádio e constatou a situação crítica dos banheiros, das instalações sanitárias e elétricas, cabines de rádio abandonadas, gramado inexistente, além da cobertura da arquibancada e dos assentos deteriorados pelo tempo.

 

Sem dinheiro para a manutenção de tamanha estrutura, os atuais dirigentes aguardam que o novo prefeito se sensibilize com o estado crítico da ex arena LDPA que outrora foi placo de glórias da seleção de Paulo Afonso, recebeu grandes vultos do futebol brasileiro e mundial  a exemplo de Artur Antunes, o Zico, Garrinha e outros, grandes  ídolos, além de locais, principalmente,  os jogos estudantis.

Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

5 respostas

  1. Eu era criança e tinha um sonho em jogar no ruberleno ,quando via o caveira e olímpico mim arrepiava e falava pra mim mesmo um dia vou jogar nesse estádio. Hoje fico triste como o estádio chegou a esse ponto

  2. Acredito na necessidade urgente do município perceber a importância do esporte na vida da população. É através dos esportes que muitas oportunidades sociais são dadas ao cidadão e cidadã. Para além das oportunidades sociais, deve-se observar o incentivo ao esporte, ao afastamento de envolvimento com ilícitos, prática de atividades físicas e etc.
    Investir no esporte é criar perspectivas.

  3. Herança maldita do prefeito e de seu sucessor para o povo de Paulo Afonso, e ainda teve a cara de pau de dizer que iria construir uma vila olímpica, é incompetência demais para um grupo político, que falta de caráter e de compromisso com o povo de Paulo Afonso!

  4. Tbem fiz parte em que havia disputas de campeonatos municipais e principalmente olimpíadas escolares todos os anos, aí era palco de muitas felicidades, realmente é uma tristeza ver uma coisa dessa acontecendo.

  5. JOGUEI NO COPA, OLÍMPICO, OLIMPÍADAS PELOS COLÉGIOS COLEPA E SETE DE SETEMBRO NO ESTÁDIO RUBERLINO DE OLIVEIRA. NAQUELA ÉPOCA O ESPORTE ERA MUITO DIFUNDIDO, PRINCIPALMENTE ENTRE OS ADOLESCENTE E JOVENS. ATÉ HOJE PRÁTICO ESPORTES INSPIRADO NAQUELES FELIZES MOMENTOS. INFELIZMENTE, APÓS A SAÍDA DA CHESF COM SEUS INCENTIVOS, O ESPORTE DE UM MODO GERAL EM PAULO AFONSO, É O REFLEXO DOS POLÍTICOS ATRAVÉS DE SUAS POLÍTICAS PÚBLICAS, UMA CALAMIDADE. O ESPORTE PREPARA FÍSICA E MENTALMENTE OS JOVENS PARA A VIDA. QUANDO ISSO NÃO ACONTECE AS DROGAS ASSUMEM SEU PAPEL. ACORDA PAULO AFONSO. VAMOS MUDAR, 35 TOCANDO O MESMO LP CANSA….

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.