Por

REDAÇÃO - PA4.COM.BR

Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print




 

NOTA GUARDA CIVIL MUNICIPAL

A Guarda Civil Municipal, vem por meio desta nota esclarecer os fatos ocorridos em abordagem durante este final de semana, na comunidade Celidone de Deus, que faz parte do conjunto de bairros que forma o complexo Tancredo Neves, com relação ao encerramento de um jogo de futebol (VEJA AQUI) que através de denúncias estava causando aglomerações e consumo de bebidas alcoólicas.

O que circula nas redes sociais é uma versão de um cidadão que supostamente teria sido agredido por um GCM durante abordagem de orientações educativas. Entretanto, vale lembrar que todos os finais de semana uma programação é elaborada pela Vigilância Sanitária para fiscalizações em todo o município, onde a GCM e a Polícia Militar são incluídas proporcionando segurança a abordagens mediante as denúncias por parte de populares.

O Inspetor da Guarda Civil Municipal, Andrade, esclarece o ocorrido na comunidade em questão. “Neste final de semana recebemos diversas ligações, não com relação à prática esportiva em si, mas aquelas que estavam gerando aglomerações e o consumo de bebidas alcoólicas nos chamados babas da cidade, ou seja, jogos de futebol. A orientação da Vigilância Sanitária é que os responsáveis por essas atividades esportivas emitam seus protocolos documentados a Secretaria de Saúde e aguardem o retorno da aprovação com base dentro das normas vigentes por meio de decreto estadual seguidos pelo município. Neste final de semana, dentre as ligações recebidas, num total de oito, por nossos meios de comunicação com a sociedade, uma delas aconteceu destacando que no bairro dos Rodoviários estava acontecendo um jogo de futebol causando agrupamentos. A força tarefa esteve na localidade e como de costume, na forma educativa e orientativa, foi bem recebida, proferindo as devidas normas e recebendo o apoio dos envolvidos com o término do jogo e assim a aglomeração foi dispersa”, disse.

O inspetor completa – “Ao nos deslocarmos para a comunidade Celidone de Deus, o GCM ao desembarcar e se deslocar até os responsáveis pelo evento esportivo foi verbalmente agredido com palavras de baixo calão por um cidadão que ali estava, onde o Guarda Municipal em ato de serviço realizou uma abordagem de afastamento de corpo exigindo respeito por ser uma autoridade constituída reprimindo outras possíveis agressões. Ao notarmos que a prática esportiva estava fora das normas vigentes, além do desacato, orientamos para o término da atividade”.

A Guarda Civil Municipal reforça o seu trabalho em primar pela segurança dos cidadãos e cumprimento do decreto do Estado, em um trabalho conjunto com a Polícia Militar e demais órgãos.




 

 

 







Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.