19 de junho de 2021

Comerciante de Paulo Afonso é preso após polícia recuperar carga roubada com insumos de combate à Covid-19 em galpão na Barragem Leste

Por

Redação (pa4.com.br)

O setor de Inteligência da Polícia Civil de Alagoas, em conjunto com a equipe da Delegacia Regional de Delmiro Gouveia, comandada pelo delegado Rodrigo Cavalcanti, conseguiram localizar no município, na tarde desta sexta-feira (4), uma carga de equipamentos da área de saúde que havia sido roubada em Pernambuco.

A carga, composta por luvas, seringas, aventais e outros equipamentos destinados ao tratamento de pessoas com coronavírus, havia sido roubada no município de Garanhuns, no interior pernambucano. De acordo com o delegado, os bandidos chegaram a deflagrar vários tiros no caminhão que transportava os produtos.

Ao repórter Ítalo Timóteo, o delegado informou ainda que o caminhão foi abandonado no Povoado Leobino, município de Inhapi, porém sem a carga.

“Como o material estava rastreado, a equipe passou a monitorar a carga e após oito dias, o material foi localizado em um prédio localizado na Rua Paysandu, no distrito da Barragem Leste.”, localidade vizinha a Paulo Afonso.

Um dos suspeitos foi preso e conduzido à Delegacia Regional de Delmiro Gouveia para a confecção dos procedimentos cabíveis.

“De início ninguém estava no local, mas a equipe do delegado Rodrigo Cavalcanti descobriu que o proprietário do prédio é um comerciante de Paulo Afonso-BA, a equipe formada por ele e os policiais Carlos Ângelo e Cleto vieram até a cidade onde encontraram o suspeito em um mercado de sua propriedade. Ele foi detido e durante o depoimento acabou preso após afirmar que receberia 10% do valor arrecadado na venda da mercadoria.”

A polícia não revelou a identidade do comerciante por causa da lei de abuso de autoridade.

 

 

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Comentários 3

  1. Luis says:

    Se fosse um ladrão de galinha tá com a foto. P o Brasil e o mundo ver. Aí ai

  2. Péricles Sampayo says:

    Será que é o mesmo que comprou uma carga roubada rastreada há pouco tempo?

  3. francisco j says:

    Será que não é o mesmo comerciante onde foi encontrado cargas roubadas no deposito de
    seu Mercado alguns anos atras em Paulo Afonso ? a carga foi rastreada e quando a policia chegou no deposito o comerciante foi avisado, então ele correu logo pra delegacia com um advogado alegando que não sabia. Não divulgaram o nome dele, nem do estabelecimento comercial ficou tudo no abafadinho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.