Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

 

 

A 16ª Experiência Missionária da diocese de Paulo Afonso, aconteceu entre os dias 07 e 21, no município de Cícero Dantas-BA, e reuniu cerca de setenta missionários – a maioria jovens, na paróquia de Nossa Senhora do Bom Conselho, que já conta dois séculos de história comemorados no próximo mês de agosto, assim as santas missões são o início da festa.

 

Paróquia de Nossa Senhora do Bom Conselho, 200 anos de caminhada.

As autoridades do município que, bastante populoso, viram-se obrigadas a medidas duras para diminuir a criminalidade, particularmente os assaltos à mão armada, e adotaram o toque de recolher para adolescentes sem a companhia dos responsáveis a partir das 21h30. Neste particular, tem os mesmos desafios de qualquer cidade grande.

 

Vista do alto do cemitério central de Cícero Dantas- BA.

Um povo gentil, hospitaleiro, com grandes franjas carentes que cercam a periferia, com dramas sociais também comuns à realidade de Paulo Afonso, afastando-se um pouco a vista do entorno do Velho Chico.

 

Missionários vindos de várias paróquias da diocese de Paulo Afonso, 16ª Experiência Missionária.

No centro, na área rural, na periferia, moças e rapazes que abdicaram de suas férias, acompanhados de religiosos trouxeram o conforto da sempre boa notícia que é Jesus Cristo. E para terminar estes dias o bispo dom Guido Zendron convidou o compositor mineiro Chico Lobo e o analista econômico Claudio Vieira.

 

Compositor e interprete mineiro Chico Lobo.

Porém, para apresentar Claudio, peço  licença poética a Drummonde de Andrade.

 

Claudio Vieira, em palestra na paróquia de Nossa Senhora do Bom Conselho, Cícero Dantas-BA.

‘Quando eu nasci um anjo torto desses que vivem na sombra me disse: vai, Claudio! Ser grande na vida’.

 

Claudio e dom Guido: ‘Nenhuma vida é inútil’.

No dia 1º de abril de 1976, a mãe de Claudio – baiano de Monte Santo, passou por um parto que durou horas, e em seguida, ouviu do médico: ‘nem vale a pena alimentar’, pois o bebê teria apenas 24 horas de vida.

 

Livro com biografia do baiano de Monte Santo.

Completados seus quarenta anos, a Artrogripose Múltipla Congênita (AMC), doença rara que o acometeu, deixando-o com a cabeça para baixo e os braços e pernas atrofiados, de fato romperam todo o esquema previsível para tamanha fragilidade: estudou, se graduou, atravessou o oceano e conheceu o papa João Paulo II, esteve com o papa Francisco no Rio de Janeiro, flamenguista, conheceu Zico, entre tantas coisas nessa vida bem vivida,  escreveu: ‘O mundo está ao contrário’ que conta a sua história de lutas e vitórias e que também serve de base das suas palestras motivacionais que ganham o país inteiro.

 

Anda com o sobrinho, que o leva para todos os cantos, dá assistência em sua casa, pois sua deficiência é parcial e consegue beber água e se alimentar e com a boca também usa o computador e escreve.

 

Pe. Evanílson (pároco) Chico Lobo e dom Guido.

″Eu fico tão triste, triste mesmo quando encontro com alguém que reclama, reclamar de quê?, amanhece o dia aí alguém tá jururu, preocupado, talvez porque o aluguel está atrasado?, alguma dívida?, ou porque brigou com a namorada?, e assim por diante, mas a vida da gente é tão curta e Deus é tão maravilhoso que nos deu a vida, e muitas vezes não sabemos valorizar″, diz e emenda:  ″não, eu não estou de cabeça para baixo, o mundo é que está.

 

Claudio autografa seu livro: Afinal, o que é ser deficiente mesmo?

A vida

 

″Eu sempre sonhei em poder estudar: ir à escola, ter amigos – a princípio tive uma professora me orientando, quando eu aprendi a escrever aí eu quis ir à escola normal, não parei e fui mais além, fiz minha faculdade e sou graduado em ciências contábeis″.

 

″O que eu gosto em Claudio é que ele não faz drama da sua situação, nós brincamos, contamos piada, já disse a ele que, aqui em Cícero Dantas, infelizmente, tem um índice muito alto de suicídio, mas Claudio, é a maior pregação, para dizer: o aborto é um homicídio, porque a vida dele se manifesta em qualquer situação é em qualquer situação é possível encontrar a misericórdia de Deus, olhando para você, nenhuma vida é inútil″, disse o bispo.

 

Claudio, deixou no ar uma pergunta e pediu que não a respondêssemos: quem é que realmente é deficiente?

 

″Se estiverem passando algum momento difícil na vida, saiba que temos Deus para nos proteger e dizer que somos vencedores, eu já sou um vencedor: pois não adianta eu ter dinheiro e não ter saúde, não adianta eu ter dinheiro e não ter paz, não adianta eu ter dinheiro e não ter amigos″, finaliza sob forte aplauso do público.

 

Mundo mundo vasto mundo, mas vasto é teu coração, Claudio.

 

 

 

 

 

 

Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

3 respostas

  1. Que lindo, bela historia!
    Isso sim deveria ser postado direto pois prova que Deus existe na vida de cada um basta acreditar, onde um jovem com seus problemas responde que é abençoado!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.