13 de junho de 2021

“Característica do governo é não ter transparência”, diz Evinha sobre a não divulgação dos vacinados contra a Covid

Por

Assessoria Parlamentar




 

PAULO AFONSO – O prefeito Luiz de Deus (PSD) até que não impôs empecilho, ou seja, não lançou mão de um veto ao Projeto de Lei da vereadora Evinha Oliveira (Solidariedade), que obriga o município a divulgar uma lista com os nomes das pessoas que receberam a imunização contra a Covid-19; curiosamente, aprovado em duas sessões ordinárias no Legislativo, e no início deste mês tornou-o a Lei Municipal de nº 1476 de 6 de maio de 2021.

A vereadora comemorou nas redes sociais porque foi uma campanha iniciada pela população, por meio de denúncias feitas a ela, de que havia fura-fila no processo de vacinação e, uma vez aprovada a lei, agora ocorreria tudo nos moldes de total transparência. Ocorre que existe a lei, mas não está sendo cumprida.

De acordo com a vereadora, na sessão ordinária desta segunda-feira 24, ela já encaminhou ofício à Secretaria de Saúde, e até o exato momento não conseguiu ver a lei posta em prática.

“Isso é um agravante, nós á temos a lei que torna o processo de vacinação transparente, em que, a pessoa que toma a vacina deve ter o nome publicado numa lista no site da prefeitura e o que a prefeitura faz?, mais uma vez falta com transparência com a população, é uma característica desse governo, não tem transparência nem se comunica com a população. Então eu pergunto: por que não divulga?, o que tem a esconder que a lista não pode ser divulgada?”







VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Comentários 1

  1. Cecília says:

    Concordo. Enquanto muitos ficam a espera de ser vacinados dentro dos 50 anos de idade, e nada. Até quando esperar. Só acreditando pelo olhar de Deus e Misericórdia por todos nós . Amém 🙏🏻

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.