20 de setembro de 2021

“A punição da prefeitura em vez de dar ao empresário foi para o povo”, diz Marconi ao denunciar frota sucateada e aumento na passagem da Atlântico

Por

Assessoria de Comunicação

Durante sessão na Câmara de Vereadores de Paulo Afonso na manhã desta segunda-feira, 13, o vereador Marconi Daniel (PODEMOS) afirmou que “o coronavírus não acabou” e lamentou a situação em que a cidade vive com “bares superlotados com 200 pessoas”. O vereador reforçou para que os pauloafonsinos redobrem os cuidados para evitar uma disseminação do vírus.

Ainda na tribuna, o parlamentar reafirmou o seu compromisso com a população. “Nós da oposição estamos no caminho certo. Os ataques que estamos sofrendo só mostra o total desespero e despreparo que o Governo Municipal encontra-se. A oposição está trazendo um papel fundamentado que traz consistência para a CPI. Ninguém aqui foi forçado a assinar requerimento. Foram uma série de denúncias que levaram a CPI”, disse.

Marconi classificou ainda a CPI da Saúde como “um fato consumado que já foi encaminhado para a Constituição e Justiça, a Comissão logo logo estará se manifestando na Casa Legislativa” e afirmou ainda que “não estamos aqui para brincadeira. Queremos mostrar as irregularidades de como a atual gestão municipal está aplicando o dinheiro público. Terão que devolver todo o dinheiro que foi desviado”, afirmou.

Descaso com o povo

O vereador denunciou que a população de diferentes localidades estão sendo penalizadas com a falta de compromisso da Prefeitura de Paulo Afonso. “Chegou ao meu conhecimento o relato de moradores que afirmam que mais dois povoados estão sem água, é o Barrinha e Batatinha. Na Saúde, o PSF do BTN 3 está sem medicamentos e insumos. Um senhor de idade denunciou que a maca que está acomodando ele está quebrada e que o banheiro do hospital está com o vaso sanitário quebrado, faltando até papel higiênico. Isso é grave! Aí eu pergunto senhor prefeito, cadê o dinheiro? Onde ele está sendo aplicado porque o básico para o povo está faltando”, questionou.

Além de conviver com problemas na Infraestrutura, Saneamento Básico e Saúde, o Transporte Público também é alvo de queixas de passageiros. “Estamos sendo atendidos hoje por uma empresa onde a frota está sucateada tendo como base um contrato favorecido a uma empresa exclusivamente, a Viação Atlântico. São ônibus sem cobertura de rota. E o cúmulo do absurdo, a prefeitura deu aumento de mais de 30 por cento de aumento na passagem. A punição da prefeitura em vez de dar ao empresário foi para o povo”, disse.

“Estamos cansados de tantas injustiças. É preciso de um governo centrado em beneficiar o povo como um todo, sem privilégios ou interesses. O povo precisa de qualidade de vida, de investimentos que garantirão um melhor desempenho em várias áreas”, defende.

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Comentários 1

  1. Cleuber Brito Paraiso says:

    Fora o citado. É um vergonha que uma cidade com mais de 100 000 mil habitantes não tem um time de futebol disputando pelo o menos o acesso do campeonato bahiano. Cidades como floresta, afogados da Ingazeira em pernambuco e Riachão do Jacuípe e outras, todas com menos de 35 000 mil habitantes tem time disputando não só o campeonato de profissionais de suas respectivas cidades, mais como também, o brasileirão da serie D.
    Esqueçam! Prometeram um SHOPPING e nada, vão construir um estadio á altura de disputar uma partida de futebol profissional. Me deixa viu, Varela… Isso vale não só para essa administração, mais para também, outras que ainda vão passar por essa linda e querida cidade de Paulo Afonso.
    Temos mesmo é de se acostumar em ir nos finais de sema e feriados para os bares e povoados comer buchada ou comer água que passarinho não bebe e jacaré não nada na prainha sem estrutura nenhuma.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!