Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

No dia 17 de março de 2009, foi aprovada por unanimidade a indicação do vereador Aroldo do Hospital (PTB) – subscrita pelos vereadores Celso Brito Miranda (PSB), Gilson Fernandes (PSB) e Regivaldo Coriolano (PC do B) – que tem como objetivo a permanência do médico legista para o IML – Instituto Médico Legal – na cidade de Paulo Afonso e região. Até o presente momento, a solicitação não foi atendida, o que causa uma longa e dolorosa espera por parte dos familiares para realização da necropsia e liberação dos corpos.


Preocupado em solucionar a situação, o presidente da Câmara Municipal de Paulo Afonso, Regivaldo Coriolano, juntamente com os vereadores da Casa, encaminhou ofício ao secretário de Segurança Pública do Estado da Bahia, César Nunes, solicitando mais uma vez, a nomeação ou designação do médico legista em caráter permanente para o município, como forma de assegurar a eficiência na apuração de infrações penais, cujo desfecho em grande parte depende de perícia técnica.  


O presidente da Casa acredita ser necessário discutir essas e outras questões com a população. “Encaminhamos o ofício, mas vamos abrir um debate aqui na Casa, ampliando esse pleito com assinaturas de instituições da cidade que estejam preocupados com essa situação. Precisamos agora, dar o ponta pé inicial já sinalizando ao secretário de segurança essas reivindicações importantes”, destacou Coriolano.


O vereador Aroldo, autor da indicação, lamenta a atual situação. “Além da dor da perda de seu ente querido, os familiares tem que conviver com a angústia de ter que esperar um longo tempo até a realização da necropsia. Foi pensando nisso que fiz essa solicitação logo no início do meu mandato”, concluiu Aroldo.


Assessoria de comunicação da CMPA

Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.