Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

Genivaldo Moraes Varjão, conhecido como Vado, tinha 30 anos e era morador da Rua da Alegria no Povoado da Quixaba, foi vítima de um latrocínio (roubo seguido de morte) na virada de ano.


 


Vado teria ido deixar sua namorada no centro de Paulo Afonso na madrugada do dia primeiro, e ao retornar para a Quixaba um evento trágico o acometeu: nas proximidades do Bairro Siriema e do Motel Paradise, os bandidos esticaram um arame farpado, fazendo com que Genivaldo caísse quase degolado.



A moto ficou completamente destruída e os ladrões levaram apenas a carteira.



Genivaldo ainda foi socorrido pelo Samu e encaminhado para o Hospital Nair Alves de Souza, mas não resistiu aos graves ferimentos e faleceu ontem (03/01).


 


A polícia está investigando o caso.

Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.