Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

Por Paulo Roberto – [email protected]


 


Frustração na tentativa de retomada de processo contra o prefeito de Santa Brígida


 


Após decisão da justiça em reconduzir o prefeito de Santa Brígida, Padre Teles, ao cargo de prefeito do município, em 2009, depois de ter sido afastado indevidamente, promovido pela Câmara de Vereadores, cujo processo foi encabeçado pela oposição, não satisfeitos com a decisão favorável ao prefeito na época, recorreram da decisão por duas vezes.


 


Segundo a Procuradoria Geral do Município, na primeira tentativa de recorrência junto ao Tribunal de Justiça do Estado da Bahia, o Desembargador decidiu manter a decisão primeira do Juiz Dr. Marley Cunha, da comarca de Paulo Afonso/BA e arquivar o processo.


 


Dessa vez não foi diferente, ontem (17), o Tribunal decidiu pelo arquivamento do processo, frustrando mais uma vez os vereadores.


 


O episódio que ocorreu em meados de 2009, parecia já ter sido encerrado, quando o prefeito reassumiu seu cargo após quinze dias de afastamento.


 


De acordo com a Justiça Eleitoral e o Ministério Público, a ação movida pela câmara não tinha mérito para ser julgada e intimou seu presidente para prestar esclarecimentos sobre sua forma de conduzir e induzir os demais vereadores a auto-julgarem o processo.


 


Assim, com a ação desses vereadores, o prefeito e a populaçao de Santa Brígida constatou que tudo não passava de um golpe político, que norteou seus próprios promotores.


 


Embora o prefeito Padre Teles acreditasse no insucesso de mais esta tentativa dos vereadores através de seu Procurador, comemorou o que ele chamou de “mais uma vitória”.

Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.