Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print


Um dia para lembrar, protestar e mobilizar contra a violência à mulher.


 


Definido no I Encontro Feminista Latino-Americano e do Caribe, realizado em 1981, em Bogotá, Colômbia, o 25 de Novembro é o Dia Internacional da Não-Violência contra a Mulher. A data foi escolhida para lembrar as irmãs Mirabal (Pátria, Minerva e Maria Teresa), assassinadas pela ditadura de Leônidas Trujillo na República Dominicana. Em março de 1999, o “25 de novembro” foi reconhecido pelas Nações Unidas (ONU) como o Dia Internacional pela Eliminação da Violência contra a Mulher (feminismo.org.br).


 


Aqui em Paulo Afonso, a data foi lembrada por várias entidades, entre elas a Câmara de Vereadores, que por iniciativa do vereador Celso Brito Miranda realizou na manhã desta quinta-feira (25/11), uma reunião que contou com a presença de dezenas de mulheres representantes de órgãos públicos, ONGs, sindicatos, associações, igrejas, entidades da sociedade civil e da comunidade.


 


Destaque para as explanações da ecofeminista Edvalda Aroucha, presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher de Paulo Afonso que em uma brilhante palestra esclareceu todos os avanços que o CMDMPA já conquistou como, a Delegacia da Mulher – DEAM e o Centro de Referência da Mulher, cujo projeto partiu da iniciativa do Conselho. A delegada da DEAM Dra. Mirella Santana expôs os números das ocorrências de janeiro a novembro de 2010, que já ultrapassam 1000 registros delituosos de violência contra mulher, sendo estes números proporcionalmente maiores que os da capital do Estado, Salvador. Segundo as palestrantes, tais números refletem o bom funcionamento da rede de assistência no município, que passa credibilidade as nossas mulheres para fazerem suas denúncias.


 


Fez uso da palavra, ainda, as representantes das secretarias municipais de Saúde, enfermeira Renata; Desenvolvimento Social, assistente social Jane Isabel e do Centro de Referência da Mulher Dra. Glaucikelly; e de Educação, Profª. Gil, que expuseram as atuações destes setores, no combate a violência contra a mulher no nosso município. Também, participaram com importantes explanações a presidente da APLB de Paulo Afonso Esmeralda Patriota; a representante do 20º BPM PFem. Sany, que destacou a implantação do Núcleo Maria Felipa que também, dar apoio as mulheres da Polícia Militar e da comunidade; e, a representante da 10ª DIRES Maria do Socorro.


 


Os vereadores Antonio Alexandre, Aroldo e Edson “Dinho” Oliveira, também, estiveram presentes manifestando seu apoio a luta das mulheres pauloafonsinas contra a violência de diferenças de gênero. O vereador Aroldo elogia a atuação das entidades de proteção a mulher e se dispõe a permanente luta do sexo oposto. Já o vereador Edson “Dinho”, além de externar as atuações positivas das mesmas, fez elogios ao vereador Celso Brito pela iniciativa da reunião e pela Lei de Notificação Compulsória da Violência Contra a Mulher, já sancionada e entrará em vigor a partir do mês de dezembro, assim como, uma menção de reconhecimento ao trabalho do vereador Celso quando secretário de Saúde Municipal.


 


O vereador Celso Brito encerrou a reunião demonstrando sua satisfação pelo público e as brilhantes palestras dos presentes. Lembrou que sua luta pelos direitos da mulher demonstra que nem todos os homens são insensíveis, e que a Câmara Municipal vem exercendo seu papel no enfrentamento das demandas que são levadas até ela pela comunidade. O vereador ainda agradeceu o empenho das secretarias participantes pela demonstração apolítica, ao manter as políticas sociais positivas deixadas pela gestão anterior, na questão de defesa da mulher. “Nos sentimos orgulhosos quando vemos que estas entidades de defesa da mulher, com suas iniciativas e dedicação por estar levando a sociedade um maior respeito a diferença de gênero… Pois, certamente, quando nos preocupamos com o bem da sociedade as pessoas respondem, e o povo desta cidade já mostra sua confiança a estas instituições cidadãs… Os números nos assusta, mas também demonstra que o trabalho está sendo muito bem feito e com muita competência”, finaliza o vereador.


Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.