Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

De 25 de novembro a 10 de dezembro a Prefeitura Municipal de Paulo Afonso através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (SEDES) estão desenvolvendo a Campanha “16 Dias de Ativismo Pelo Fim da Violência Contra a Mulher”.


Com diversas atividades como sessões, encontros, exposição de stands, reuniões e seminários em repartições públicas, com o intuito de apresentar, promover e divulgar as instituições que prestam serviços às mulheres, a população vai prestigiar os 16 dias de conscientização contra a violência às mulheres.


Hoje, 25, é o Dia Internacional da Não Violência Contra as Mulheres e dia 10 de dezembro, último dia da campanha realizada no município, marca o Dia Mundial dos Direitos Humanos.


O Centro de Referência da Mulher Eudócia Antunes de Assis é a instituição que está à frente do evento, mas outras instituições de assistência às mulheres em situação de violências também estão envolvidas no evento como, por exemplo, a Delegacia Especializada em Atendimento a Mulher (DEAM) e o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher.


Para a coordenadora e psicóloga do Centro de Referência da Mulher, Glauce Kelly Lima Costa, vale aproveitar a oportunidade da campanha para esclarecer uma dúvida constante das mulheres – “O Centro não é a Delegacia da Mulher, de maneira que não recebe queixas. Assim como o Centro não é abrigo. Aqui nós acolhemos mulheres, a partir dos 18 anos de idade até a fase idosa, que nos procurem espontaneamente ou que venham encaminhadas de outros órgãos, como o CREAS, Conselho Tutelar, Programa Educar e DEAM, procuramos fortalecer a auto-estima dela e encaminhá-las para o setor necessário”.


No Centro de Referência da Mulher há o acolhimento e atendimento psicológico, social e jurídico às mulheres em situação de violência sexual, psicológica, física, patrimonial, moral, gênero ou doméstica.


 


 



PROGRAMAÇÃO 16 DIAS DE ATIVISMO










Data


Ação


Objetivo


Local

De 25 de novembro a 10 de dezembro a Prefeitura Municipal de Paulo Afonso através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (SEDES) estão desenvolvendo a Campanha “16 Dias de Ativismo Pelo Fim da Violência Contra a Mulher”.


Com diversas atividades como sessões, encontros, exposição de stands, reuniões e seminários em repartições públicas, com o intuito de apresentar, promover e divulgar as instituições que prestam serviços às mulheres, a população vai prestigiar os 16 dias de conscientização contra a violência às mulheres.


Hoje, 25, é o Dia Internacional da Não Violência Contra as Mulheres e dia 10 de dezembro, último dia da campanha realizada no município, marca o Dia Mundial dos Direitos Humanos.


O Centro de Referência da Mulher Eudócia Antunes de Assis é a instituição que está à frente do evento, mas outras instituições de assistência às mulheres em situação de violências também estão envolvidas no evento como, por exemplo, a Delegacia Especializada em Atendimento a Mulher (DEAM) e o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher.


Para a coordenadora e psicóloga do Centro de Referência da Mulher, Glauce Kelly Lima Costa, vale aproveitar a oportunidade da campanha para esclarecer uma dúvida constante das mulheres – “O Centro não é a Delegacia da Mulher, de maneira que não recebe queixas. Assim como o Centro não é abrigo. Aqui nós acolhemos mulheres, a partir dos 18 anos de idade até a fase idosa, que nos procurem espontaneamente ou que venham encaminhadas de outros órgãos, como o CREAS, Conselho Tutelar, Programa Educar e DEAM, procuramos fortalecer a auto-estima dela e encaminhá-las para o setor necessário”.


No Centro de Referência da Mulher há o acolhimento e atendimento psicológico, social e jurídico às mulheres em situação de violência sexual, psicológica, física, patrimonial, moral, gênero ou doméstica.


 


 



PROGRAMAÇÃO 16 DIAS DE ATIVISMO










Data


Ação


Objetivo


Local