Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

Nascido em Paulo Afonso em 29 de novembro  de 1989, Dalmare Anderson Bezerra de Oliveira Sá, morou a maior parte de sua infância e toda sua adolescência na cidade. Filho de José Dalmare de Oliveira Sá (Encarregado de Mecânica) e Maria Analiete Bezerra de Sá (Professora). É ex-aluno do Colégio Sete de Setembro, de onde saiu em 2006, logo após a formatura do 3°ano.


Dalmare, 20, hoje mora em Aracaju – SE e está no oitavo período do Curso de Farmácia na Universidade Federal de Sergipe (UFS), e se destaca por ser Coordenador de Educação da Executiva Nacional de Estudantes de Farmácia (ENEFAR). Mesmo com pouca idade, o jovem já foi convidado a palestrar em um importante congresso da área de Farmácia no Sul do País, o Farmapolis (foto).


Ele tem sangue de político, na família é sobrinho do Professor Plínio do PT, por parte de mãe, e neto do Ex-Vereador José de Oliveira (Zé Gordão) pelo DEM, por parte de pai. Tendo escolhido o lado socialista da família, ele milita pela sociedade principalmente em prol da saúde pública e da educação de qualidade nas universidades do nosso país.


Faz parta da chapa “Integrar, Crescer e Mudar” que atualmente está a frente da ENEFAR, pois foi escolhido pelos estudantes de farmácia presentes no Encontro Nacional de Estudantes de Farmácia (ENEF), que ocorreu em julho na cidade de Porto Alegre – RS.


Desde novo sempre se interessou pela representação estudantil, tendo sido por 3 vezes líder de turma. Já possuiu a vontade de governar Paulo Afonso, vontade hoje que não existe mais, devido a sua atual militância pela saúde pública exigir que ele esteja em grandes centros do nosso país.


“Amo minha terra, sei que poderia ajudar a mudar a cara que ela tem hoje. Conheço cada ponto da cidade, sei de seus problemas e tenho plena noção de como ela poderia se desenvolver, mas infelizmente minha militância e minha carreira me impedirão de voltar e tentar o sucesso político lá. Espero que meus amigos de colégio possam voltar e fazer a diferença por Paulo Afonso”. São algumas das palavras dele quanto à cidade, a qual ele não deixa de citar em qualquer lugar do país que ele esteja.

Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.