Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

No dia 03 de setembro ocorreu o Projeto Folclore do Ensino Fundamental I do Colégio Montessori. Este ano as turminhas do 1º ao 5º ano resolveram homenagear a cultura africana que tanto contribuiu para a formação do nosso país, atendendo a lei de número 11.645 de 2008, que torna obrigatório o ensino da história e cultura afro-brasileira e africana em todas as escolas, públicas e particulares, do ensino fundamental até o ensino médio.

Além de conhecer nossas raízes, o projeto teve como objetivos principais conhecer e valorizar a cultura africana presente na cultura brasileira; conscientizar sobre a importância da cultura africana na formação cultural brasileira, na formação de nossa língua, da nossa culinária e da nossa moda; e, sobretudo, contribuir para erradicar qualquer tipo de preconceito em relação aos povos africanos e seus afrodescendentes.

Através de elementos como culinária, artesanato, literatura, vocabulário, dança e música, os estudantes fizeram uma viagem ao continente africano através de pesquisas orientadas pelos professores e puderam trazer para a sala de aula elementos representativos deste continente tão rico.

Após intensa pesquisa, os alunos confeccionaram objetos cujos símbolos identificam a origem africana, como peças de vestuário, acessórios, bonecos de barro, bonecos de pano, negras na cabaça, carrancas, máscaras, painéis de pintura e etc, e montaram diversos stands com esses objetos para apreciação pela comunidade escolar.

Ao final da exposição, os estudantes protagonizaram apresentações de dança e música com um repertório que trazia vários ritmos africanos, a exemplo do maculelê, axé, maracatu, samba e pagode. Com uma plateia bastante animada, as danças foram apresentadas com bastante esmero e alegria. O encerramento dessa animada manhã ficou por conta da capoeira do Grupo Muzenza.

Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.