Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

Valdiney de Oliveira “Ney”, perdeu o segundo recurso para tentar validar a convenção feita por ele no dia 28 de julho, e consequentemente, habilitar candidatos a vereador e a vice-prefeito lançados naquela ocasião.

No dia 05 de agosto, com aval do Partido da República os novos membros realizaram a convenção da sigla, em que Adilma Lisboa – presidente da executiva municipal, declarou apoio do PR à candidatura de David Cavalcanti (PP).

A decisão divulgada nesta segunda-feira (05), pelo Tribunal de Justiça da Bahia (ver anexo), endossa decisão do juiz Rosalino dos Santos Almeida, deferida no dia 18 de agosto, entendendo o juiz, que pertencia ao partido decidir qual das convenções realizadas seria válida. Como o PR deu garantias jurídicas e políticas à nova executiva, o juiz negou o recurso de Ney. Resguardadas algumas observações, o TJ teve o mesmo entendimento.

A questão política

Saindo da seara judicial, entra-se na questão que mexe na composição da chapa encabeçada por José Policarpo (PCdoB) – não obstante, tendo sua própria candidatura questionada pelo Ministério Público que pede a impugnação pela rejeição das contas referentes ao seu último ano de governo em 2008.

Policarpo deve anunciar outro nome para vice-prefeito, até o próximo dia 12, sob pena de ter sua candidatura anulada, neste caso, pela inabilitação de Carlinhos do Brejo.

Rita de Oliveira, que tem mandato, achou por bem correr o risco de ficar inelegível, como de fato as sentenças apontam que ficou, e some-se a ela, mais cinco candidatos, são eles: José de Sá “Camiseiro”, Iranildo Roque da Silva “Nildo do Brejo”, Edval Neves da Conceição, Josinalva Pereira do Nascimento e Sandra Bezerra.

Lembrando que nos respectivos casos cabem recursos nas instâncias superiores.
 

 

Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.