Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

O segundo dia de matrícula na rede estadual (21) é dedicado aos reestudantes das redes municipais (séries iniciais e finais do ensino fundamental). A matrícula pode ser feita, das 8h às 20h, em qualquer uma das 1.369 escolas da rede estadual, nos 417 municípios da Bahia. Em Salvador e mais 30 cidades do interior (veja relação abaixo), a matrícula para alunos oriundos das redes municipais, também pode ser feita pela internet, por meio do Sistema de Matrícula Online, da Secretaria da Educação do Estado. Basta acessar o Portal da Educação (www.educacao.ba.gov.br/matricula).

A matrícula na rede estadual acontece até 27 de janeiro. Nesta quarta-feira (20), o secretário da Educação do Estado, Osvaldo Barreto, visitou o Colégio Estadual Governador Roberto Santos, no Cabula, em Salvador e destacou a importância e o papel das famílias. “As escolas da rede estadual estão preparadas para receber todos os estudantes que nos procuram. Este é um processo de confraternização e de receber os estudantes, pais ou responsáveis, na perspectiva de fortalecer as escolas e a relação com as famílias”, afirmou.

Dona Evanete Santos Fretias, foi ao colégio para fazer a matricula de dois filhos. Ela disse que, mesmo podendo fazer a matrícula pela internet, gosta de ir até a escola onde estudou e onde outros dois filhos já concluíram o ensino médio. “Eu gosto de vir aqui, porque sou ex-aluna e gosto de reencontrar antigos professores. Como muitos ainda estão aqui, tenho certeza de que meus filhos serão bem preparados porque esta escola é uma excelente escola”.

Seu Almir dos Santos, também gosta de fazer, pessoalmente, a matrícula do filho Ageu, 15 anos. “Eu fui aluno de escola pública, morador do bairro e gosto de ir à escola e de acompanhar a vida escolar do meu filho desde o primeiro momento”, afirmou, sendo recebido, inclusive, pelos líderes de classe Wesley Barreto, Joice Baltazar e Gabriel Santos, que mostraram as instalações da escola aos pais e alunos.

A matrícula pode ser feita em qualquer escola da rede estadual, mesmo não sendo aquela onde o estudante vai cursar o ano letivo de 2016. Foi o caso da estudante Siziemile Fonseca de Souza, 16. Ela foi com a tia Janete Santos da Fonseca, na escola onde estudou em 2015 pedir a transferência para uma escola mais próxima de sua escola. “Eu estou de coração partido por ter que me transferir, mas vou para uma escola mais perto de casa”, afirmou a estudante.

MATRÍCULA – 20 a 27 de janeiro

20 – estudantes que já são da rede estadual
21 e 22 – estudantes das redes municipais, concluintes das séries iniciais e finais do ensino fundamental
25 a 27 – Matrícula para estudantes novos
25 – Ensino Fundamental
26 e 27 – Ensino Médio e Educação Profissional
DOCUMENTOS: Histórico Escolar / original e cópia da Certidão de Nascimento, RG, CPF e comprovante de residência.

MATRÍCULA PELA INTERNET

– Para estudantes da rede estadual
– Para estudantes das redes municipais de 31 municípios (Barro Preto, Barrocas, Camacan, Camaçari, Cândido Sales, Caraíbas, Catu, Coronel João Sá, Dias d’Ávila, Euclides da Cunha, Feira de Santana, Glória, Itabuna, Itapitanga, Jussari, Lamarão, Lauro de Freitas, Madre de Deus, Nordestina, Paulo Afonso, Piripá, Queimadas, Retirolândia, São Domingos, São José da Vitória, Salvador, Simões Filho, Una, Uruçuca, Vera Cruz e Vitória da Conquista)

OBS: alunos oriundos das redes municipais de Salvador e Camaçari podem fazer a matrícula na escola municipal onde estudaram em 2015.

DESTAQUES
– Vagas para todos – Rede Estadual com capacidade instalada para atender a todos nas 1.369 escolas em todos os 417 municípios da Bahia
– 19.000 vagas para Educação Integral
– 44.253 novas vagas para Educação Profissional

Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.