Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

Paulo Afonso está se tornando uma região badalada pelas produções televisivas. Atualmente a cidade é sede da produção da novela “Velho Chico” que conta com Antônio Fagundes no elenco, da Rede Globo, e também foram filmadas imagens de uma minissérie “Amores Roubados”, com Patrícia Pilar, em 2014.

Na semana passada, o secretário Municipal de Turismo, Marlos Guerra, recebeu o cineasta, Breno Silveira, que veio para conhecer a Reserva Ecológica do Raso da Catarina em busca de cenários para locação e possível filmagem de uma minissérie em Paulo Afonso e Região para ser exibida no segundo semestre, também pela emissora carioca.

“O cineasta Breno Silveira ficou deslumbrado com a beleza cênica do Raso da Catarina e que o local era cenário perfeito para realizar vários trabalhos. Breno destacou também a logística que Paulo Afonso proporciona como aeroporto com voos regulares, rede hoteleira, restaurantes”, contou Marlos sobre a impressão do cineasta.

Breno Silveira ganhou destaque no cinema nacional ao dirigir o filme ‘2 Filhos de Francisco – A História de Zezé Di Camargo & Luciano’, em 2005. A produção de 2005 foi indicada ao Oscar e teve uma bilheteria histórica de 5,3 milhões de espectadores. Em 2012 mais um sucesso, Breno dirigiu “Gonzaga – De Pai pra Filho”, um filme que conta a história do Rei do Baião, Luiz Gonzaga, sob o olhar de seu filho, o músico e compositor Gonzaguinha.

A realização de produções televisivas é importante por divulgar a cidade por criar nos turistas a curiosidade em conhecer as belezas naturais e as diversas atrações turísticas que Paulo Afonso oferece.

O Raso
O raso da Catarina é um eco região com o solo muito arenoso profundo e pouco fértil, com formações rochosas esculpidas pelos ventos, elas assemelham-se a castelos, torres e bispos de um tabuleiro de xadrez. A flora predominante é de xiquexique, mandacaru e entre as árvores, Juazeiros, Jatobás e Umbuzeiros.

Encontra-se também o cânion seco, semelhante ao Grand Canyon nos Estados Unidos, é a parte mais seca do sertão baiano, o raso da Catarina fica há 60 km de Paulo Afonso e é administrada pelo ICMBIO (instituto Chico Mendes de conservação da Biodiversidade), área dividida entre reserva biológica e indígena onde fica a tribo Pakararé.

O clima do Raso é semelhante a áreas desérticas, a temperatura pode chegar a 40 graus durante o dia e baixa para 10 durante a noite. Foi no raso que o cangaceiro Virgulino lampião se refugiava com seu grupo depois de esconder armas e tesouros.

Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.