Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

Um caso envolvendo um vereador da cidade de Olho D’água do Casado, sertão alagoano e dois pauloafonsinos foi parar na Delegacia Regional de Polícia (1-DRP) de Delmiro Gouveia. Os envolvidos foram identificados como: Tiago Costa Alencar conhecido como (Tiago Rico) e os pauloafonsinos Jeová Fornazieri Teixeira e Robinho.

O caso:

Segundo o Boletim de Ocorrência registrado na DEPOL de Delmiro Gouveia, a pessoa de Jeová Fornazieri Teixeira teria procurado os policiais civis da cidade alagoana para denunciar que estava recebendo várias cobranças de um carro pertencente a sua esposa Kátia Valéria Vieira, porém ele teria negociado o referido automóvel com Robinho, cujo o rapaz já tinha repassado para a pessoa de Tiago Rico. Por está recebendo várias cobranças, inclusive com o nome da esposa no SPC e SERASA.

A suposta vítima decidiu informar aos policiais, porém o mesmo não teria se controlado e ido até o veículo que estava estacionado no centro da cidade alagoana, ao perceber que o automóvel estava ligado e ninguém estava no interior, Jeová adentrou e seguiu com destino a Paulo Afonso.

Tiago Alencar teria acionado a Polícia Militar e uma equipe do Pelotão de Operações Especiais (PELOPES) iniciou a perseguição e só conseguiu alcançar Jeová nas imediações do Posto Fiscal, às margens da BR-423.

Na abordagem o homem teria explicado a situação que o fez adentrar no veículo e tomar o destino que seria Paulo Afonso. E que estava levando o referido carro para entregar ao Banco que estava realizando as cobranças.

Ele junto com o carro foram conduzidos para Delegacia de Delmiro Gouveia onde foram ouvidos pelo delegado Rodrigo Rocha Cavalcanti.

Na delegacia foi lavrado um Termo Circunstancial de Ocorrência (TCO) e constatado que o carro em questão encontrava-se com nove meses atrasados e com várias multas de trânsito, o parlamentar não quis aceitar uma resolução do problema e informou perante aos policiais que só resolveria na justiça.

Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.