Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

Nesta quarta-feira (23/12), o prefeito de Paulo Afonso, Anilton Bastos Pereira e o secretário Municipal de Saúde, Alexei Vinícius participaram do ato de assinatura do Protocolo de Intenções para formação do Consórcio Intermunicipal de Saúde na região. A solenidade aconteceu no Salão de Atos da Governadoria, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador. Além do governador Rui Costa, assinaram o documento o subsecretário Estadual de Saúde em exercício, Carlos Emanoel Melo e os prefeitos de Paulo Afonso, Rodelas, Chorrochó, Glória, Jeremoabo, Macururé, Santa Brígida, Abaré e Pedro Alexandre.

O objetivo principal do Consórcio Intermunicipal de Saúde é a construção de policlínicas que vão vai garantir saúde de qualidade para mais de um milhão e quinhentos mil habitantes do interior da Bahia. Regulamentados por meio de lei estadual sancionada pelo governador em setembro, os consórcios passam a ficar responsáveis pela gestão regionalizada de serviços, como unidades de pronto atendimento (UPA 24 Horas), laboratórios regionais e, eventualmente, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192), além de hospitais municipais.

A proposta é a implantação de um novo modelo de financiamento e gestão dos serviços de saúde, com o objetivo de descentralizar a assistência e desonerar as despesas municipais. Na região de Paulo Afonso, a previsão é beneficiar mais de 250 mil pessoas com oferta de serviços de média e alta complexidade. O Governo do Estado assume o compromisso de construir e equipar uma policlínica no valor de R$ 17 milhões, além de cofinanciar até 40% da manutenção, enquanto os municípios consorciados irão ratear os 60% restantes. A unidade vai oferecer até 13 especialidades, 32 serviços e equipamentos, a exemplo de tomógrafos e de ressonância magnética para rastreamento de câncer de mama, neurologia, pneumologia, entre outros exames.

Após a assinatura, o governador Rui Costa afirmou: "Garantir a Saúde é caro, e, sozinhos, os municípios não podem arcar com as despesas. Mas, juntos e com o apoio do governo do estado, vão fortalecer a saúde baiana".

Por sua vez, o prefeito Anilton Bastos Pereira, escolhido entre os gestores para presidir o consórcio, agradeceu ao governador e destacou a importância da policlínica, que segundo ele, além de ofertar serviços e equipamentos médicos de qualidade, vão evitar que as pessoas se desloquem até a capital ou até para outras cidades, em busca de atendimento.

"Em nome dos prefeitos das cidades que vão fazer parte do consórcio, eu agradeço ao governador Rui Costa, pela atenção que tem dado à nossa região. Não tenho dúvida de que vai ser um grande ganho para todos, especialmente para as pessoas que às vezes precisam se deslocar para cidades distantes em busca de atendimento. Em breve, essas pessoas terão mais conforto e segurança com serviços de saúde próximos de onde moram, e isso faz toda a diferença", afirmou Anilton.

Também participaram da solenidade, os secretários Estadual e Municipal de Relações Institucionais, respectivamente Josias Gomes e Luiz Carlos de Carvalho; os vereadores: Bero do Jardim Bahia, Leda Chaves, Marcondes Francisco, Petrônio Nogueira e Zezinho do INPS; o assessor de comunicação da Prefeitura de Paulo Afonso, Luiz Brito e representantes da Secretaria Municipal de Saúde.

 

ASCOM/PMPA – por Washington Luís – DRT/BA nº 4109

Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.