Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

Proprietários de postos de combustíveis e de lojas do comércio em Delmiro Gouveia e região estão preocupados com a circulação de notas falsas de R$ 20,00, R$ 50,00 e R$ 100,00. O problema vem sendo mantido nos bastidores para não causar pânico no comercio local. Nos últimos dias, segundo um empresário, várias lojas e postos de combustíveis receberam notas falsas de R$ 20,00 e R$ 50,00, num prejuízo que já chega a R$ 100 mil em pouco de mais de 15 dias.

“Em um único posto de combustível, localizado no centro de Delmiro Gouveia, cerca de R$ 400,00 em notas falsas foram recebidas pelos funcionários”, disse o empresário, que não quis se identificar.

Para se precaver dos prejuízos, os comerciantes estão adquirindo uma a caneta que permite identificar a idoneidade da nota. “A caneta funciona com uma tinta especial, que ao riscar a nota recebida, indica se é falsa ou não. Se o risco ficar na cor marrom escuro, ou preto, a nota é falsa e se ficar amarelo claro é verdadeira”, explica ele.

A caneta vem sendo vendida não só a comerciantes, mas também a pessoas comuns que não desejam ser lesadas. A procura é tão grande que já começa a faltar. “Situação é grave”, classifica ele e lamenta que a Polícia Federal não tomou nenhuma providência até agora.

Segundo ele, o derrame de dinheiro falso em todo Sertão é grande e já se tem registro nas cidades de Água Branca, Pariconha, Piranhas, Mata Grande e Canapi. Segundo o funcionário de uma agência bancária de Delmiro Gouveia, vários casos de notas falsas têm sido registrados nos depósitos nos caixas eletrônicos, através dos envelopes. “O deposito é recusado e o depositante informado do problema”, disse ele.

Os prejuízos têm agravado a situação financeira dos comerciantes que enfrentam uma queda de 40% das vendas e o crescimento da inadimplência em torno de 35%. Para eles a crise financeira está levando a circulação de dinheiro falso na região.

Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.