Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

Foi preso nesta terça-feira (17), Cezar Soares Cruz, 33 anos, acusado de assassinar, na noite do último domingo (15), o popular de nome Edílson Fernandes Leite, 47 anos (veja matéria AQUI).

O crime aconteceu na rua Tamandaré, centro de Paulo Afonso. A vítima foi morta com vários golpes de faca. Na Delegacia de Polícia, ao ser entrevistado por uma emissora de rádio, Cézar confessou o crime e revelou o ‘motivo’:

“Eu matei Edilson porque eu coloquei um portão lá, roubaram esse portão, ele botou outro, pediu até umas ferramentas minhas, eu deixei, ele colocou e de vez enquanto ele tinha uns atritos comigo, discutia comigo, eu dizia: Rapaz! Tirando onda achando que eu era besta demais, dava água gelada a ele tudinho lá ele usava as coisas dele, mas não tenho nada a ver não, aí ele foi um dia tomando cachaça lá, eu pra não chamar, tirei o portão, ele disse: ah! aqui não dá pra nós dois não, eu vou lhe pegar aqui e vou comer seu fígado, aí então lá dentro da casa dele pegou um porrete e veio pra querer me matar, aí eu entrei dentro de casa aí o vizinho foi e trancou o portão e ele ficou lá com o porrete na mão dizendo que ia me matar e eu fiquei lá dentro pra me defender dizendo que ia comer meu fígado com cachaça e disse: vou sair e quando eu voltar eu lhe pego, então antes dele me matar eu fui e me defendi, um homem ameaçado é morto”

Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.